Dieta Dukan Completa – Como Fazer as 4 Fases, Cardápios e Receitas

As pessoas estão enfrentando, na atualidade, um dos maiores desafios para o ser humano, o que naturalmente causa grandes conflitos interiores e é, sem dúvida, a constante luta para conseguir um corpo saudável e bonito.

Inclusive para manter-se no peso ideal, sabemos que trata-se de um caminho árduo e que exige muita perseverança para ser percorrido com sucesso. Entretanto, como tudo na vida, existe sempre uma maneira de se alcançar uma meta.

E é verdade que muitas vezes o que funciona para alguém, não necessariamente funcionará para você, mas sempre há uma forma mais rápida de se chegar a um objetivo, você só precisa adaptar aquela solução a sua situação específica.

Pensando nisso, o post de hoje vai trazer para vocês o passo a passo da dieta dukan e te mostrar que existem receitas simples que podem transformar completamente o seu conceito de alimentação saudável e emagrecimento.

A dieta dukan está estruturada em quatro fases, cada uma delas abrange uma etapa específica do processo de emagrecimento e depois, da estabilização do peso ideal e manutenção. Sendo assim, quando você inicia o processo da dieta dukan, deve saber que está começando um caminho gradual e que esse caminho deve ser seguido com perseverança para não terminar acontecendo o processo inverso.

As 4 fases da Dieta Dukan são:

1. A fase de ataque 2. A fase cruzeiro 3. A fase da consolidação 4. A fase da estabilização.

Observe como funciona cada uma dessas 4 fases e como você deve colocá-las em prática para alcançar bons resultados.

1. Fase de Ataque:

Trata-se da fase mais complicada porque é o período inicial, mas, mesmo assim, a perspectiva é muito boa: existindo a possibilidade de perder até 5 kg somente na primeira semana.

Por tanto, você deve colocar no seu cardápio diário 66 alimentos que sejam ricos em proteínas e que possam ser comidos à vontade.

Com bastante disciplina e muita força de vontade, essa fase vai ser logo superada e você vai ter a oportunidade de avançar para a segunda fase.

Exemplo de cardápio para a fase de ataque:

Na 1ª fase, sua alimentação é organizada em apenas alimentos ricos em proteínas. Como por exemplo:

› Café da manhã: 250ml de leite  desnatado ou iogurte desnatado com 2 colheres de aveia, 2 fatias de queijo e presunto. Se desejar adicione café ao leite, mas sem açúcar.

› Lanche da manhã: 1 copo de iogurte desnatado e 2 fatias de queijo branco light.

› Almoço e Jantar: 250g de carne vermelha ou 3 filés de frango/peixe grelhado.

› Lanche da tarde: 250ml de iogurte desnatado ou de leite, 2 fatias de presunto e queijo ambos light com pão integral.

2. Fase Cruzeiro: 

Além dos 66 alimentos com proteínas, você deve acrescentar 34 legumes e verduras e ainda deve adicionar a eles 100 alimentos permitidos pela dieta dukan.

Nessa fase, a perda de peso se torna um pouco mais lenta, acontecendo de maneira mais moderada, a perda será em média 1 kg por semana, até que se consiga atingir o peso ideal.

Perceba que, ainda que mais lento, os resultados ainda são bastante empolgantes. A perda de 1 kg por semana representa, em média, 4 kg por mês, e quando já não houver sobrepeso e/ou obesidade, você poderá então dar início à próxima fase do processo.

Exemplo de cardápio para a fase cruzeiro:

› Café da manhã: 250ml de leite  desnatado ou iogurte com 2 colheres de aveia e 2 fatias de queijo branco light.

› Lanche da manhã: 1 copo de leite desnatado e 2 fatias de queijo branco light com presunto.

› Almoço e Jantar: 250g de carne com molho de tomate e salada de pepino/cenoura, alface e palmito ou 3 filés de peixe com salada de tomate e abobrinha.

› Lanche da tarde: 250ml de leite desnatado, 2 fatias de queijo light.

3. A Fase da Consolidação:

Essa fase da dieta dukan já te coloca no período da reeducação alimentar, no qual é necessário reaprender a se alimentar.

Nessa fase tão importante, os pontos a serem observados são os mesmos, não dá para deixar de lado a disciplina e a força de vontade, é preciso se esforçar pelos objetivos aos quais você se propôs.

Nessa fase, o que se deve fazer é acrescentar, aos 100 alimentos que já foram colocados na sua alimentação: pães integrais, frutas, queijos, carboidratos e a refeição de gala.

Nessa nova etapa será necessária mais paciência, porque o tempo da dieta é ainda mais longo e cada quilo perdido equivale agora, em média, a dez dias de dieta. O esperado para essa etapa do processo é evitar o efeito sanfona e se manter saudável.

Exemplo de cardápio para a fase de consolidação:

› Café da manhã: 1 copo de iogurte desnatado, 2 colheres de aveia e uma fatia de pão integral com queijo, tomate e alface.

› Lanche da manhã: 1 xícara de café (sem açúcar) com uma fatia de queijo e presunto light, ou uma maça com 250ml de iogurte desnatado.

› Almoço e Jantar: 130g de peito de frango/carne vermelha com arroz integral e salada de legumes ou se preferir macarrão integral com salada de legumes e uma fruta.

› Lanche da tarde: 1 iogurte natural desnatado com uma fatia de pão integral com queijo branco light.

4. A Fase de Estabilização:

Chegamos na fase onde a alimentação é livre. De toda forma, se espera que, após todo esse processo, a pessoa tenha se tornado capaz de se alimentar corretamente de maneira autônoma, comendo de tudo com moderação.

Se não é assim, todos os esforços anteriores terão sido em vão. Algumas regras básicas que devem ser rigorosamente seguidas para o sucesso da dieta dukan:

» Quinta-feira Proteica: costume  fazer das quintas feiras o dia dedicado só as proteínas.

» 3 colheres de sopa de aveia todos os dias antes das principais refeições do dia.

» Pelo menos 20 minutos de caminhada por dia até abandonar totalmente o sedentarismo.

Abandonar completamente o sedentarismo significa se esforçar para fazer exercícios físicos diariamente, sem desculpas.

Quando for ao supermercado, vá caminhando. Use as escadas, no lugar do elevador. Frequente uma academia ou, se você não gosta, faça alguns exercícios em casa mesmo, usando o peso do seu próprio corpo, existem centenas de vídeos tutoriais na internet.

A dieta dukan comprovadamente funciona e já tem milhares de adeptos satisfeitos com os resultados. Não existem dúvidas de que sim, a dieta funciona, mas é normal que haja esse ceticismo, porque a maioria das dietas que conhecemos, são dietas milagrosas e sem fundamento algum, dietas que as pessoas seguem e nunca conseguem resultados reais e duradouros.

Exemplo de cardápio para a fase de estabilização:

› Café da manhã: 1 copo de leite  desnatado ou iogurte com 2 colheres de aveia e 2 fatias de queijo branco light.

› Lanche da manhã: 1 pêra/maça/ laranja com duas fatia de queijo e presunto light ou 3 castanhas e uma fatia de melancia.

› Almoço e Jantar: 130g de carne vermelha/peito de frango com salada de legumes e uma 1 fruta de sua preferencia.

› Lanche da tarde: 1 iogurte natural desnatado com uma fatia de pão integral com queijo branco light.

As Vantagens da Dieta Dukan:

» Perde-se muitos pesos nas fases iniciais da dieta, isso é inspirador. Incentiva demais a continuar.
» Fique sempre atento aos alimentos permitidos e os não permitidos para seguir a risca.
» Não tem restrições para a quantidade de alimentos consumidos, e sim os tipos de alimentos.
» As proteínas tem uma lenta digestão, isso contribui para controlar a sensação de saciedade.
» Boa aceitação, se torna muito fácil de seguir mesmo fora de casa.

Desvantagens da Dieta Dukan:

» Privação de nutrientes essenciais para o organismo como: vitaminas e minerais.
» Carboidratos são os combustíveis do nosso corpo, com a privação pode ocorrer fadiga e cansaço.
» A deficiência das fibras pode prender o intestino e causa prisão de vente.
» Falta de carboidratos também podem causar tonturas, dificuldade de concentração e dores de cabeça.

Se você gostou deste artigo e acredita que ele pode ajudar outras pessoas, compartilhe nas redes sociais abaixo. (Facebook, Twitter, Google Plus, WhatsApp)

Péssimo!Ruim!Regular!Bom!Ótimo! (108 Votos, Média: 4,40 de 5)
Loading...